09/03/2012

Destralhe e minimize a carteira

Desde os meus 16 ou 17 anos que praticamente só uso carteiras/porta-moedas da Mango. Uso as carteiras até se estragarem e só depois compro outra, mas como são de boa qualidade, têm durado muito tempo. No entanto, sempre que compro uma carteira nova, tenho tendência para comprar uma maior que a sua antecessora. A última carteira que comprei era enorme, com imensas divisórias, bolsinhas, espaço para cartões, porta-moedas - até espelho tinha! Grande parte das divisórias ficaram vazias, pois não tinha nada para lá pôr...

Mas, como boa minimalista, senti que chegou a altura de... minimizar a carteira e o seu conteúdo. Comprei esta branquinha e destralhei cartões, papéis e outra tralha que andava sempre comigo...

Aqui ficam algumas dicas para simplificar a carteira:

1. Tenha na carteira apenas os cartões de débito e de crédito que usa com frequência. E o ideal, claro, é ter o menor número possível de cartões e contas bancárias.

2. Tenha apenas os cartões de lojas onde vai com frequência - e só se o cartão valer a pena (ainda não percebi para que é que serve o cartão da Staples...).

3. Tenha apenas os documentos de identificação necessários para o dia-a-dia. Cartão do cidadão, carta de condução e pouco mais...

4. Não transforme a carteira num álbum fotográfico. Ou precisa mesmo das fotografias para se lembrar dos seus entes queridos?

5. Não  transforme a carteira numa lista telefónica. Precisa mesmo de todos aqueles cartões de visita que lhe vão dando? Se forem importantes, passe os números para o telemóvel.

6. Não faça da carteira um arquivo de papel. Ao longo do dia vá guardando os talões do multibanco, recibos e outras papeladas, mas quando chegar a casa, tire-os da carteira e dê-lhes um destino (arquive-os se forem mesmo importantes ou jogue-os fora).

7. Não ande com cheques na carteira - ou melhor ainda, acabe de vez com os cheques na sua vida!

8. Tenha sempre algum dinheiro na carteira, pois pode ser preciso para alguma emergência e não haver um multibanco por perto...


PS - Depois de ter escrito este post, encontrei este da Hazel, sobre como aplicar o Feng Shui na carteira - sim, no próximo Domingo vou colocar 3 grãos de arroz na minha carteira!

23 comentários:

  1. Bom dia, mais uma excelente sugestão! Já percebi que carteira preta não atrai fortuna, tenho que mudar!!
    Tenho na minha carteira uma nota de dolar que trouxe quando fui aos EUA pela primeira vez, mas se calhar 3 grãos de arroz produzem mais efeito!!
    Gostei muito deste post. Bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  2. És um grande exemplo e uma inspiração para mim.
    Ainda não respondi ao email, mas respondo este fim-de-semana!
    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
  3. O cartão da Staples serve para a própria empresa saber que tipo de produtos compra uma determinada pessoa para obter uma amostra de mercado.
    Bom fim de semana ;)

    ResponderEliminar
  4. com carteiras sou o cumulo do minimalismo: uso uma pequena bolsa de cartões (igual a esta http://3mr.c9.sl.pt) que custa 0,50€ e ando apenas com que preciso: cartão do cidadão, passe, multibanco, seguro de saúde e cartão da empresa.. mais nada!

    e a minha mala são os meus bolsos :)

    ResponderEliminar
  5. ola bom dia, o q fez a anterior carteira? pra mim era o ideal

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. sim! que não lhe pareça mal, por favor.

      Eliminar
  6. Olá!
    Eu também tinha uma carteira enorme e pesada, que acabei por dar à minha mãe, pois aquele peso estava-me a condicionar o físico, e a maior parte das divisórias também estavam vazias. Assim, passei para uma quase sem divisórias, leve e com espaço para o que precisava, mas agora vou ter que mudar outra vez, primeiro porque o desenho da carteira já não me diz muito e torna-a muito pesada visualmente e depois porque o sistema de organização não é o que preciso (os cartões estão todos juntos, para tirar um tenho que tirar todos). Funcionou bem até à pouco tempo, mas a praticabilidade da coisa agora já não funciona.
    Eu precisava era uma carteira de tecido como algumas que já vi aí na net, levezinhas e divisórias para o que preciso.

    Beijinho e bom fim-de-semana.

    ResponderEliminar
  7. Com o cartão da Staples é possível ir acumulando o valor de compras efectuadas - qdo se atinge um certo valor, é enviado um vale de descontos para casa para ser utilizado na próxima compra.
    Eu também usava porta-moedas cada vez maiores até que decidi descomplicar - mas fi-lo de outra forma: separei as "águas". Tenho um pequeníssimo porta cartões (uma carteira que abre como se fosse um livro e tem pequenas ranhuras de um lado e uma bolsa transparente do outro) onde tenho o cartão de cidadão, a carta de condução e bilhetes do metro.
    Depois tenho uma carteira mto fina, que abre com fecho de correr, com ranhuras onde coloco o cartão de débito e os cartões de desconto mais usados (supermercado, bomba de gasolina).
    Por fim uma pequena bolsa para as moedas.
    Os papéis ou vão para o lixo ou meto no meio do meu bloco de notas (A6) e ao chegar a casa "despejo-os" numa caixa que uma vez por semana revejo para arquivar cada papel no seu sítio (IRS, garantias/provas de compra, etc).
    Qto ao Feng Shui - já tive um porta-moedas vermelho e não surtiu efeito nenhum. :-D

    ResponderEliminar
  8. O cartão da Staples já me foi muito útil numa troca: não tinha o respectivo recibo e foi através do cartão que se comprovou a compra, o preço, a data, etc. Poupa-se nos papéis dos recibos (a não ser que se possam guardar para o irs e &...) e podem-se fazer trocas e reclamações na mesma. Nunca mais o tirei da carteira.

    ResponderEliminar
  9. Confesso que a minha relação com a arrumação da carteira sempre foi algo complicada... Faz-me confusão ter muitas coisas na carteira ao ponto de mal a conseguir fechar. Há uns tempos disse para mim mesma "Basta!" e dediquei mais alguns momentos do que o habitual a tornar a minha carteira aquilo que eu queria: algo simples e sem acumulações de coisas que não interessam. Deixei na minha carteira que anda comigo todos os dias os cartões essenciais (BI, cartão de débito, carta de condução e pouco mais). Nesta carteira não tenho quaisquer cartões de lojas ou afins, com excepção do cartão do Continente para quando vou às compras. Para os cartões que tenho das diversas lojas, arranjei uma pequena bolsa que apenas coloco na mala quando vou às compras de algo em específico que não seja as de supermercado. Porque, de certa forma, não ter o cartão que traz vantagens desta ou daquela loja sempre na mala ajuda a poupar. Parece que ao não termos o cartão da loja para usufruir das vantagens preferimos não fazer a compra e comigo tem funcionado. :)

    ResponderEliminar
  10. A minha carteira também é da Mango e gosto muito dela. Comprei em preto há muitos anos atrás. Mesmo gostando muito da cor branca eu evito porque "envelhecem" mais depressa :)

    Anuskas

    ResponderEliminar
  11. Tenho por habito fazer uma limpeza regular à minha carteira. Geralmente 1x por semana a ver o que já anda a mais nela. Também já não tenho carteiras muito grandes para evitar ter muita tralha..

    ResponderEliminar
  12. Esses passos todos já dei faz tempo :) resta-me colocar os grãos de arroz.
    Obrigada pela partilha

    ResponderEliminar
  13. Esses passos já os dei faz algum tempo :) resta-me colocar os grãos de arroz.

    Obrigada pela partilha

    ResponderEliminar
  14. Não sou de aderir a cartões que não uso... mas meto tudo o que é talão na carteira e acabam a viver lá durante meses a fio.

    ResponderEliminar
  15. seguindo o teu blogue já percebi que sou minimalista por natureza. primeiro que tudo detesto andar carregada. A minha carteira é basicamente quase só um porta-moedas em tela, em que cabem os cartões essenciais (cidadão, débito, passe, recibo do passe e alguns trocos). Acho que faz confusão às pessoas, porque a minha chefe deu-me uma carteira normal no Natal..é gira...mas não a vou usar. Um dia vou conseguir ser como os homens e levar tudo nos bolsos :) agora fiquei inspirada para fazer um post sobre a minha carteira lá no meu estaminé...bjs

    ResponderEliminar
  16. Olá,
    hoje vim só partilhar esta ligação que (caso não conheça) acho que vai gostar.
    Sites em português, e outros em inglês, com livros de várias línguas sobre variadíssimos temas, e o melhor de tudo GRATUITOS! ;)
    http://lerebooks.wordpress.com/2011/01/10/50-sitios-com-ebooks-gratuitos/

    ResponderEliminar
  17. Com a crise que se vive vou colocar o arroz...quanto ás cores de carteiras, já tentei todas....agora tenho cor-de-rosa.....continuo na mesma!! Mas adorei o post sobre as carteiras....está muito giro, obrigada pelas dicas!! A minha carteira deve pesar mais de 2 kilos, até me dá nervos e falta sempre qualquer coisa quando vou a uma loja qualquer! Bjos

    ResponderEliminar
  18. Eu só uso o essencia na minha, ando sempre a deitar fora papéis que já não necessito para não enche-la.

    Bjokas

    ResponderEliminar
  19. Nem de propósito: por ser ciente Staples recebi gratuitamente a revista da Visão esta semana onde está o artigo "A arte de viver (bem) com menos"! E para a semana irei receber um segundo exemplar grátis também. ;)

    ResponderEliminar
  20. *cliente
    ** revista Visão
    (escrever à pressa dá nisto... :))

    ResponderEliminar

Obrigada pelo comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...